Património

Pote com decoração pintada a cal branca

LocalLisboa / Lisboa
OrigemLisboa
Entidade TitularFundao Millennium BCP (BCP/233)
DesignaçãoPote com decoração pintada a cal branca
CronologiaSéc. XI-XII
Dimensões18,2 cm altura; 22,3 cm largura máxima; 13,2 cm diâmetro bordo; 13 cm diâmetro base
DescriçãoPote ou panela em cerâmica, fabricado com pasta rosada-acinzentada, de textura compacta, granulosa e ligeiramente porosa. Apresenta algumas manchas escuras resultantes de irregularidades de oxidação na cozedura e outras devido à sua utilização para aquecimento sobre o fogo. Tem colo côncavo pouco alto, bojo de forma globular com estrias de modelação horizontais e duas asas verticais. A superfície do bojo é decorada séries de faixas pintadas com cal branca: grupos de três pinceladas horizontais intercaladas por uma pincelada vertical em toda parte superior do bojo e, na parte inferior, uma pincelada horizontal não contínua. Esta peça foi encontrada nas escavações da Rua dos Correeiros.
BibliografiaCláudio Torres e Santiago Macias, O legado islâmico em Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1998, pp. 98-99; Clementino Amaro, "Panela. Cerâmica", Portugal Islâmico. Os últimos sinais do Mediterrâneo. Catálogo de exposição, Lisboa, IPM, MNA, 1998, p. 157; J. Luís de Matos, "Pote", Núcleo Arqueológico da Rua dos Coreeiros, Lisboa, Fundação BCP, 1995, p. 38; Idem, "Pote", Lisboa Subterrânea. Museu Nacional de Arqueologia. Catálogo, Lisboa, Milão, Lisboa 94, Electa, 1994, p. 237; Jacinta Bugalhão e Deolinda Folgado, "O arrabalde ocidental da Lisboa islâmica: urbanismo e produção oleira", Arqueologia Medieval, 7, 2001, p. 129.
Categoria(s)Arqueologia Utensílios
ComentariosOrigem da imagem: Cláudio Torres e Santiago Macias, O legado islâmico em Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1998, pp. 98-99;
Images