Património

Fragmento de lápide em mármore epigrafada

LocalLisboa / Lisboa
OrigemMrtola
Entidade TitularMuseu Nacional de Arqueologia (E. 7417)
DesignaçãoFragmento de lápide em mármore epigrafada
Cronologia598 H. / 1202 d. C.
Dimensões21 cm altura; 17,5 cm largura; 5 cm espessura
DescriçãoFragmento do canto inferior esquerdo de uma lápide, possivelmente funerária, em mármore granolamelar cinzento. São visíveis cinco linhas (da primeira apenas resta a parte inferior) da inscrição, usando um cursivo irregular em relevo. Tal irregularidade e a falta de sentido do que resta da inscrição levou Nykl a ponderar que se trataria apenas de um ensaio epigráfico realizado por um aprendiz. A inscrição está muito gasta e ilegível, sendo apenas possível deslindar a data, na segunda linha. Foi encontrada em Mértola e deu entrada no MNA em 1940.
BibliografiaMário Jorge Barroca, Epigrafia Medieval Portuguesa (862-1422), vol. III, Lisboa, FCG, FCT, 2000, pp. 66-67; Artur Goulart de Melo Borges, "Lápide funerária (?). Mármore", Portugal Islâmico. Os últimos sinais do Mediterrâneo. Catálogo de exposição, Lisboa, IPM, MNA, 1998, p. 244; Idem, "Epigrafia", Museu de Mértola. Arte Islâmica, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 2001, p. 184; A. R. Nykl, "As inscrições árabes no Museu etnológico do Dr. José Leite de Vasconcelos", Ethnos, II, 1942, p. 31; Idem, “Arabic Inscriptions in Portugal”, Ars Islamica, 11-12, 1946, p. 176; A. Labarta e C. Barceló, "Inscripciones árabes Portuguesas: situación actual", Al-Qantara, 8, 1987, p. 409.
Linkshttp://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=109488


Categoria(s)Arqueologia
ComentariosOrigem da imagem: http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=109488
Images