Património

Infusa decorada com pintura a branco

LocalSantarm / Santarm
OrigemSantarm
Entidade TitularMuseu Municipal de Santarm (Alc. Sant. 1988)
DesignaçãoInfusa decorada com pintura a branco
CronologiaSéc. XI-XII
Dimensões22 cm altura; 5,6 cm diâmetro
DescriçãoInfusa em cerâmica. Tem bordo recto com lábio pendente de parede côncava, colo cilíndrico alto estreito com um sulco onde arranca uma asa vertical, corpo globular e base abaulada. A superfície é revestida com uma aguada beige e decorada com pintura a branco. O bojo ostenta grupos de três linhas direitas e três onduladas paralelas que se repetem alternadamente nos sentidos horizontal e vertical. A asa apresenta uma decoração reticulada também pintada a branco, tal como um conjunto de pequenos traços no bordo. Esta peça foi encontrada na alcáçova de Santarém.
BibliografiaCarla Ferraz, "Infusa", Santarém e o Magreb: encontro secular (970-1578). Catálogo da Exposição, Santarém, Câmara Municipal de Santarém, 2004, p. 109; Idem e Ana Margarida Arruda, "Cantarinha ou infusa", De Scallabis a Santarém. Catálogo, Lisboa, Museu Nacional de Arqueologia, 2002, p. 158; Catarina Viegas e Ana Arruda, "Cantarinha. Cerâmica", Portugal Islâmico. Os últimos sinais do Mediterrâneo. Catálogo de exposição, Lisboa, IPM, MNA, 1998, p. 165; Idem "Cerâmicas Islâmicas da Alcáçova de Santarém", Revista Portuguesa de Arqueologia, n.º 2: 2 (1999), p. 126.
Categoria(s)Hidráulica e irrigação
ComentariosOrigem da imagem: De Scallabis a Santarém. Catálogo, Lisboa, Museu Nacional de Arqueologia, 2002, p. 158;
Images