Património

Muralhas de Évora (cerca árabe)

Localvora / vora
DesignaçãoMuralhas de Évora (cerca árabe)
Cronologia301-302 H. / 914-915 d. C. (Reconstrução período islâmico)
DescriçãoA primeira cerca de Évora remonta ao séc. III d. C.. A cerca romana abrangia uma área de c. 10 ha, com uma extensão de quase 2 km, circundando a parte mais alta da cidade, onde hoje se situa a Sé. As muralhas são reconstruídas no começo do séc. X, após o ataque das tropas do futuro Ordonho II de Leão. Então, os Banu Julliqi, que controlavam a região a partir de Badajoz, mandaram derrubar a muralha primitiva até à base e entregaram Yâbura a uma família muladí aliada, responsável pela reconstrução da muralha de raiz. Tudo leva a crer que esta reconstrução seguiu, em grande parte, o perímetro da muralha tardo-romana. Manteve o uso de torres quadrangulares, os embasamentos anteriores foram aproveitados e, possivelmente, construiu-se um fosso em redor da muralha, segundo atestam os trabalhos arqueológicos. Uma epígrafe conservada no Museu de Évora data as obras de 914-915.
BibliografiaCláudio Torres e Santiago Macias, O legado islâmico em Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1998, pp. 122-124; Fernando Branco Correia, “Muralhas de Évora”, in Discover Islamic Art. Place: Museum With No Frontiers, 2014; Carmen Balesteros e Élia Mira, “Muralhas de Évora”, Actas das Jornadas Inter e Pluridisciplinares, Lisboa, Universidade Aberta, 1993/4; Miguel Pedroso de Lima, O recinto amuralhado de Évora, Lisboa, 1996; Túlio Espanca, Inventário Artístico de Portugal, vol. VII (Concelho de Évora – vol. I), Lisboa, 1966; Idem, "Fortificações e alcaidarias de Évora", A Cidade de Évora, n.º 9-10, Set.-Dez. 1945, pp. 41-90; Susana José Gomes Dias, “Arranjo Paisagístico dos Espaços Exteriores às Muralhas de Évora...”, A Cidade de Évora: Boletim de Cultura da Câmara Municipal, 2ª série, n.º 8, 2009, pp. 11-50; Maria Domingues Simplício, Evolução e morfologia do espaço urbano de Évora. Dissertação de doutoramento apresentada à universidade de Évora, Évora, 1997; Miguel Pedroso de Lima, Muralhas e fortificações de Évora, Lisboa, Argumentum, 2004; Gustavo Val-Flores, A Evolução Urbana do Centro Histórico de Évora, vol. I, Évora, Câmara Municipal de Évora, 2004; A. Y Sidarus, “Um texto árabe do século X relativo à nova fundação de Évora e aos movimentos Muladi e Berbere no Ocidente Andaluz”, Separata de A Cidade de Évora, 71-76, 1994.
Linkshttp://igespar.pt/pt/patrimonio/pesquisa/geral/patrimonioimovel/detail/69776/
http://www.monumentos.pt/Site/APP_PagesUser/SIPA.aspx?id=64

http://www.discoverislamicart.org/database_item.php?id=monument;ISL;pt;Mon01;8;pt


Categoria(s)Arquitetura
ComentariosOrigem da imagem: http://www.monumentos.gov.pt/Site/APP_PagesUser/SIPA.aspx?id=3822
Images