Património

Igreja Paroquial de São Manços

Localvora / So Manos
DesignaçãoIgreja Paroquial de São Manços
CronologiaAntes séc. IX
DescriçãoA primitiva ermida de São Manços terá sido construída durante o período muçulmano, integrada no contexto moçárabe. Outra hipótese remonta-a à época visigótica. Um texto do séc. XI, Passion de San Mancio, refere a existência de um templo com baptistério e martirium nesta zona. Originalmente, com planta central em cruz grega. Totalmente remodelada em finais do séc. XVI e inícios do séc. XVII, sendo acrescentada uma nave e nartex, conferindo-lhe uma planimetria longitudinal com transepto saliente e ábside quadrada. A actual capela-mor, de planta quadrangular e construída com grandes silhares bem aparelhados, é a parte mais antiga da igreja, possivelmente sobrevivente do templo original.
BibliografiaManuel Luís Real, "Inovação e resistência: dados recentes sobre a antiguidade cristã no Ocidente Peninsular", IV Reunió D'Arqueologia Cristiana Hispànica, Barcelona, Institut d'Estudis Catalans, 1995, pp. 45-46; Túlio Espanca, Inventário Artístico de Portugal, vol. II (Concelho de Évora – vol. I), Lisboa, 1966; Armando Nobre de Gusmão, Subsídios para a História da Santa Casa da Misericórdia de Évora, vol. I, 1958; Manuel Luís Real, "Portugal: cultura visigoda e cultura moçárabe", Visigodos y Omeyas. Un debate entre la Antiguedad Tardia Y la Alta Edad Media, Madrid, 200, pp. 21-75.
Linkshttp://igespar.pt/pt/patrimonio/pesquisa/geral/patrimonioimovel/detail/69715/
http://www.monumentos.pt/Site/APP_PagesUser/SIPA.aspx?id=3949



Categoria(s)Arquitetura
ComentariosOrigem da imagem: http://www.patrimoniocultural.gov.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/69715/
Images