Património

Pucarinho com decoração epigráfica em corda seca parcial

LocalMrtola / Mrtola
OrigemMrtola
Entidade TitularMuseu de Mrtola (CR/CS(P)/0002)
DesignaçãoPucarinho com decoração epigráfica em corda seca parcial
CronologiaSéc. XII
Dimensões9,5 cm altura, 10,5 cm largura
DescriçãoPucarinho em cerâmica, fabricado com pasta branca rosada bem depurada e de textura compacta. Parte do corpo e da base estão mutilados. Tem bordo biselado, corpo de suave perfil curvo e asa vertical. Na face exterior, apresenta uma decoração epigráfica em corda seca parcial executada de forma algo tosca, com os traços em manganês bastante largos definindos os espaços preenchidos a vidrado verde escuro. A inscrição é quase ilegível e foi pintada no sentido inverso ao da posição normal da peça. Contudo, parece representar a expressão árabe "AL-MULK" ("poder" ou "soberania"), título da sura 67 do Alcorão. Este pucarinho foi encontrado em 1981, nas escavações no criptopórtico da alcáçova do castelo de Mértola.
BibliografiaCampo Arqueológico de Mértola, "Pucarinho com decoração epigráfica em corda seca parcial. Cerâmica", Portugal Islâmico. Os últimos sinais do Mediterrâneo. Catálogo de exposição, Lisboa, IPM, MNA, 1998, p. 90; Susana Gómez Martínez, “Catálogo da cerâmica", Museu de Mértola. Arte Islâmica, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 2001, p. 133; Cláudio Torres, Cerâmica Islâmica Portuguesa. Catálogo, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 1987, n.º 72; Susana Gómez Martínez, "Pucarinho com inscrição", Os signos do quotidiano: gestos, marcas e símbolos no Al-Ândalus. Catálogo da exposição, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 2011, p. 27.
Categoria(s)Arqueologia Utensílios
ComentariosOrigem da imagem: Susana Gómez Martínez, "Pucarinho com inscrição", Os signos do quotidiano: gestos, marcas e símbolos no Al-Ândalus. Catálogo da exposição, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 2011, p. 27.
Images