Património

Inscrição árabe na Sé Velha de Coimbra

LocalCoimbra / Coimbra
DesignaçãoInscrição árabe na Sé Velha de Coimbra
CronologiaSéc. XII
DescriçãoInscrição em árabe contemporânea à edificação da Sé, gravado na face exterior da parede Norte da nave, junto ao transepto. Segundo Nykl, esta inscrição seria da autoria de um pedreiro moçárabe que participou na construção da Sé. Barroca considera mais provável que a inscrição tenha sido feita por um artista muçulmano de passagem pelo atelier românico da Sé Velha. Também é considerada a possibilidade de ter sido produzida por um escravo que trabalhou na construção da categra. Tradução: "Escrevi isto como recordação permanente do meu sofrimento. A minha mão perecerá um dia, mas a grandeza ficará".
BibliografiaCláudio Torres e Santiago Macias, O legado islâmico em Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 1998, p. 73; Mário Jorge Barroca, Epigrafia Medieval Portuguesa (862-1422), vol. III, Lisboa, FCG, FCT, 2000, p. 66; Ana Labarta e Carmen Barceló, "Inscripciones Árabes Portuguesas: Situación Actual", Al-Qantara, vol. VIII, Madrid, 1987, p. 405; A. R. Nykl, "Algunas inscripciones árabes de Portugal", Al-Andalus, n.º 5, 1940, pp. 408-411; Idem, "Arabic Inscriptions in Portugal", Ars Islamica, 11-12, 1946, pp. 167-169; Évariste Lévi-Provençal, "La description de l'Espagne d'Ahmad al-Rāzī", Al-Ândalus, vol. XVIII, 1953, p. 89.
Categoria(s)Arqueologia Arquitetura
ComentariosTradução da inscrição: "Escrevi isto como recordação permanente do meu sofrimento. A minha mão perecerá um dia, mas a grandeza ficará".
Images