Património

Pote vidrado em melado

LocalMrtola / Mrtola
OrigemMrtola
Entidade TitularMuseu de Mrtola (CR/ML/0009)
DesignaçãoPote vidrado em melado
Cronologia2ª metade séc. XI – 1ª metade séc. XII
Dimensões12,8 cm altura, 14,2 cm largura máxima; 10 cm diâmetro boca; 8 cm diâmetro base
DescriçãoPote em cerâmica, fabricado com pasta alaranjada clara de textura compacta. Tem bordo boleado envasado, colo cilíndrico, corpo troncocónico invertido com caneluras, duas asas verticais e base em bolacha convexa. Toda a superfície é revestida por uma camada de vidrado de óxido de ferro melado. Seria um utensílio destinado ao armazenamento ou ao serviço de mesa de alimentos de certo requinte, talvez mel ou alguma conserva doce. Foi encontrado em 1981-82, no criptopórtico da alcáçova do castelo de Mértola.
BibliografiaSusana Gómez Martínez, “Catálogo da cerâmica", Museu de Mértola. Arte Islâmica, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 2001, p. 158; Cláudio Torres, Cerâmica Islâmica Portuguesa. Catálogo, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 1987, n.º 67; Abdallah Khawli, "Introdução ao estudo das vasilhas de armazenamento da Mértola islâmica", Arqueologia Medieval, 2, 1993, p. 77.
Categoria(s)Arqueologia Utensílios
ComentariosOrigem da imagem: Susana Gómez Martínez, “Catálogo da cerâmica", Museu de Mértola. Arte Islâmica, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 2001, p. 158;
Images