Património

Amuneto "Mão de Fátima" em osso

LocalMrtola / Mrtola
OrigemMrtola
Entidade TitularMuseu de Mrtola (OS/DV4/53)
DesignaçãoAmuneto "Mão de Fátima" em osso
CronologiaSéc. XII
Dimensões1,9 cm comprimento; 0,9 cm largura
DescriçãoPequeno amuleto em osso, trabalhado em forma de Khamsa (Mão de Fátima). As extremidades dos dedos e do pulso encontram-se fragmentadas. Na peça original, encontrar-se-ia um orifício no pulso, para a suspensão do amuleto. Anverso e reverso têm a mesma forma, de modo a protegerem com igual eficácia o utilizador. Esta peça foi encontrada na alcáçova do Castelo de Mértola.
BibliografiaLígia Rafael, "'Mão de Fátima'. Amuleto de osso", Portugal Islâmico. Os últimos sinais do Mediterrâneo. Catálogo de exposição, Lisboa, IPM, MNA, 1998, p. 267; Luís Maçarico, "A importância dos objectos para a leitura do passado. A chamada Mão de Fátima na cerâmica do al-Andalus. O olhar do antropólogo", Arqueologia Medieval, 12, 2012, pp. 185-191; Susana Gómez Martínez e Lígia Rafael, "Amuleto em forma de mão", Os signos do quotidiano: gestos, marcas e símbolos no Al-Ândalus. Catálogo da exposição, Mértola, Campo Arqueológico de Mértola, 2011, p. 49; António Rei, "A «Mão de Fátima». Uma imagem ritual islâmica de protecção", O corpo e o gesto na Civilização Medieval. Actas do colóquio, Lisboa, Colibri, 2005, pp. 179-186.
Categoria(s)Ourivesaria Vestuário e acessórios
Images